Pré-Férias

Caraleo, velho...

Já tem quase um mês que não escrevo aqui. É esse tal de facebook que toma nosso tempo. As ideias vem e quando menos penso, já coloco por lá.. Peço desculpas àqueles que não acessam esta rede social. Agora tem um tal de Instagram também, onde rolam umas fotos bacanas e tenho curtido postar os meus olhares com filtros eletrônicos do dito aplicativo.

No fim das contas é uma pena. Conteúdo digital de verdade é aquele que a gente deixa por aqui, onde os Pandas e Penguins do Google conseguem dar uma lida rápida e compartilhar para o mundo todo pelo seu site de biscas. Nas redes sociais a informação fica presa lá.

Hei de dar mais atenção por aqui. Uma mostra disso é deixar, pelo menos, pequeno relato e imagens do que aprontei nessa ausência de quase um mês:

- Cobertura em tempo real da Maratona dos Perdidos para a TRC Brasil, meus parceiros. Aliás, escrevo de novo sobre isso aqui, dois pontos (:). Não sou da TRC, não sou sócio, não sou nada mais que um parceiro. Não até a data de hoje. Se algo do gênero vier a acontecer, informarei por aqui, com certeza. Muita gente acaba confundindo, pois uso a camiseta, estou sempre nas provas, nas fotos e bla-bla-bla. Sou muito amigo dos meninos Bonatto e Tourinho mas a ligação com a empresa TRC Brasil é puramente de parceria, o que já me agrada e envaidece bastante. Afinal, são os melhores do Paraná no ramo!

- Rodagem sob temperaturas negativas ou sob sol escaldante. Assim é o clima no mês de julho no Paraná.

- Treino noturno no Morro dos Perdidos em plena segunda-feira, dez da noite. Eu e novos e velhos amigos partimos para a montanha em busca das neves paranaenses. Não teve a tal neve, mas teve um ótimo treino e muito calor humano, parceria e confraternização, coisa linda que o esporte faz conosco.

- Treino matador de quase cinco horas em uma das mais belas regiões da Serra do Mar, como primeira parte do planejamento de circuito da próxima competição a ser organizada pela TRC Brasil. Mais além, libero infos e betas do local.

- Pedal com a esposa sob chuva na mais bela capital do país, a amada Curitiba. Fazia tempo que buscava algo assim, regenerativo de corpo e de alma.

Beijos e abraços e toca pra K42 Bombinhas!






Comentários

Postagens mais visitadas