Propaganda de Refrigerante

fevereiro 06, 2014



Envelhecer não significa necessariamente embrutecer. Não vejo a vida como o leite e o vinho, que com o passar dos anos azedam. Eu vejo como a oportunidade de viver cada vez mais intensamente pois a dura realidade é que cada dia que passamos aqui é um dia a menos por viver.

E isso não é negativo. Isso é positivo pra caralho! Isso é viver cada segundo. Isso é permitir perder o fôlego em um pôr do sol, em um primeiro beijo ou na assinatura de um contrato de compra do seu primeiro imóvel. Viver positivamente deveria ser muito mais que um slogan de uma propaganda de refrigerante. Viver assim é o que me mantém firme na lida. Na lida e não na luta. Não vejo a vida como uma luta. Não gosto de lutas. Eu gosto de ousar e conquistar. Um desbravador é como me vejo. Não me torna melhor que ninguém, jamais houve pretensão assim.

Agora, com 37 anos completados no dia de ontem, todo aquele cinza que as vezes aparece no meu campo de visão, começa a se diluir. Como um filme dos anos 30 que foi colocado som e cores posteriormente. Uma história já escrita e que toma novos tons. Uma certa maquiagem. Colorir a vida nunca me pareceu fácil. Mas torna-se necessário.

Necessário é, segue o baile. Com fé!

Quando o sol nasce, a escuridão se vai. Da alma, inclusive. Vista do Solar dos Volpão, residência oficial deste que vos escreve estas linhas tortas.

Vale uma leitura!

1 comentários

  1. Concordo com suas palavras! É isso ai: a vida é renovação, intensidade, positividade, bater a cara e seguir em frente, construindo um caminho que vale a pena, um filme colorido :)

    ResponderExcluir