Na sequência das corridas e treinos

Barbaridade.


Até eu estou surpreso com minha dedicação.



Após a bike nova que comentei no post passado, agora são as corridas na rua que estão me empolgando. 


Semana passada deu pra rodar 40 km em 4 sessões. E com direito a um longo de 22 km que eu não fazia desde 2013. E foi tranquilo. Como tem sido também as sessões de corrida no horário de almoço, mesmo aquelas mais puxadas, de intensidade.

São sessões curtas, entre 30 e 50 minutos, com direito a bons quilômetros de propriocepção sobre os trilhos da região do Bacacheri e Hugo Lange em Curitiba. Tem funcionado muito bem correr com a luz do sol e as vezes até um certo calor.

Julho de 2015 tem sido um mês estranho em Curitiba. Apenas uma massa de ar polar com temperaturas próximas do zero. E muita chuva, com algum calor. Bem atípico.

Assim, fica mais tranquilo correr entre meio dia e uma da tarde.

Vamos correndo, então. Pouca montanha, já que a umidade me espanta. por ora, vamos de asfalto, de Jamur Bikes e de Camelbak :)

Dia 23 de julho abrirão as inscrições da 14ª Corrida da Graciosa. 

Escolhi esta prova para retornar às competições após um ano e meio afastado. Será minha quinta participação nesta prova. É emblemática para mim, vale muito a pena participar. As vagas são limitadas a 800 participantes e se esgotarão rapidamente. Fique ligado no site do organizador:


Vejo vocês por lá.

Grande abraço!

Uma fotinho da minha participação na Corrida da Graciosa 2013. 1h46min03seg.





Comentários

  1. Não tinha desistido das corridas???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tinha :) Tenho, tive, terei... A graça é não ter opinião formada sobre tudo.

      Mas, uma coisa é certa: às competições de corrida de montanha (no formato que estão disponíveis hoje em dia) eu não retorno.

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas