Insomnia

Sobre a semana que passou...

Insomnia, composta em dezembro de 2015 e finalizada ontem.

Meu primeiro som instrumental, com um quê de Bixo da Seda segundo Yuri Hrmo e de Richard Wright (entendedores entenderão) segundo a amiga Luiza Rivail :)

Foi também minha primeira experiência compondo ao teclado, começando com uma backing track e uma sequência lenta de 2 acordes.

Baixo veio fácil, de tanto ouvir Humberto Gessinger. A guitarra ficou limitada à minha pouca técnica no instrumento. Tentei buscar um timbre menos David Gilmour, mas sentia que a música pedia esses bends e esse phaser/delay/chorus (entendedores também entenderão).

Esse teclado "vagabundo" de menos de 500 reais não me dá exatamente os timbres que eu gostaria, mas deixo um "viva" ao Reaper  e demais VST's gratuitos que uso.

Poder criar, compor, executar, produzir... tudo isso sozinho é MUITO bom.

Chama-se Insomnia porque a maior parte dela foi trabalhada em algumas madrugadas entre dezembro de 2015 e fevereiro de 2016.

Será a faixa de abertura do "álbum" que pretendo editar para fevereiro de 2017. Sim, um longo período. Já tenho em torno de 8 faixas bem encaminhadas, mas quero ainda mexer em algumas sonoridades. Sem pressa.

Espero que apreciem :)


Comentários

Postagens mais visitadas