Pular para o conteúdo principal

Maratona de Curitiba 2010

Pouco a escrever sobre esta prova. Ela mora em meu coração, pois atravessa lugares e encontra pessoas que também estão em meu coração. Minha terra que tanto amo. Aquela que me apresenta uma manhã gelada, um meio dia tórrido, um final de tarde cinzento e um início de noite estrelado.

Sem previsoes de tempo para essa maratona. Nem a minha, em quanto tempo irei correr; nem a climática. Curitiba é bela como só ela. E aqui eu tenho prazer em amassar o asfalto como em nenhum outro lugar.

Dois dias me separam da minha oitava maratona, apenas a terceira este ano. Ok, esse ano foi fraco de quantidade mas fortíssimo em qualidade. Tanto nas corridas, como no amor, no dinheiro, na família e nos amigos. Mas forte mesmo foi no profissional. Pois quando recebi um limão, joguei um tanto de açúcar e fiz uma boa e refrescante limonada. Aquela que você bebe sem culpa, aquela que desce suave.

E é assim que estou hoje. Super leve, com ótimas escolhas e cercado de gente amiga.

Caminho definido, sinto-me tranquilo. 2010 se encerrando e com o olho e as pernas em 2011, para realizar outros objetivos, desta vez, da maneira que considero a mais pura possível: by-myself, por mim mesmo. Mas com a little help from my friends.

Grande abraço!




Comentários

  1. Também AMO CURITIBA, por isso escolhi correr aqui minha 1ª Maratona...
    Simboraaaaaaaa...
    \o/ eeeeeee
    boas energias
    www.marlipalugan.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Que delicia ler isso. To vendo que a Marli chegou na minha frente. Mas seu post foi um presente para o nosso espirito. Já que ambos vamos fazer nossa primeira domingo.

    Paz merecida Volpão. Paz que irradia. Que transcende o seu próprio bem-estar.

    Fique com Deus.

    ResponderExcluir
  3. Poutz... Que legal ler isso tudo aqui!

    Xampa, meu brother, tenho certeza que nos trombaremos um dia nesta maratona de curitiba. Força na peruca e muito obrigado!

    Marli e Claudio! É coim imensa satisfação que recebo a energia de vocês e tenham certeza que estarei pensando em vocês no decorrer da prova. Por estrear em Curitiba e, principalmente, por ter coragem de alinhar na largada. Porque mais dificil que completar a primeira maratona é ter coragem de se inscrever e treinar pra ela. Demorei 15 anos correndo no máximo 21K até me decidir. Invejo a disposição de quem já mete a cara, pelo simples prazer de correr a distancia mais clássica e gostosa do atletismo.

    Força na peruca pra vcs também e nos vemos nas estradas!

    ResponderExcluir
  4. buenas volpao,vai lá irmao,e que seja com muito sacrificio,para a vitoria ser mais completa,aproveitar a cada metro,e nao sao muitos,42.195 é um otimo numero e passa rapidinho,cada um com seu objetivo. e aos que nao forem que torçam por nós. abraçççossss guerreiro e otima maratona.

    ResponderExcluir
  5. gosto muito do seu blog, inclusive foi aqui que me convenceram a comprar a green silence, hehe. tênis aliás que amassei na maratona de hoje aqui em Curitiba. :)

    continue escrevendo com amor e sinceridade, abraços!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Specialized Hardrock Sport Anos 90

Oi! Com esta bike consegui, de certa forma, realizar um sonho de adolescência: pedalar uma mountain bike com quadro de cromo-molibdênio e geometria clássica dos anos 90. A bem da verdade, lá por 1996 eu pedalei por alguns meses com uma Scott Yecora e mais recentemente, em 2014 uma Trek Antelope 800. Mas ambas tinham apenas os três tubos principais em cromoly. Esta Specialized Hardrock Sport eu consegui na Jamur Bikes, sendo trazida recentemente dos Estados Unidos pelo próprio Paulo Jamur (proprietário da loja e meu boss), que se encantou pela bike e seu estado de conservação. Quando ele colocou a bike à venda na loja, não me fiz de rogado. Era a chance de ter uma bike em cromoly e praticamente original dos anos 90. Na verdade comprei esta bike como alternativa para transporte urbano, uma vez que a Format 5222 (da qual pretendo fazer uma apresentação em post futuro) que "gravelizei" eu pretendia deixar somente para atividades esportivas. Mas gostei

Uma das mudanças em curso para 2020

Oi! Acho que um dos maiores aprendizados e uma das maiores decisões para 2020 foi focar no foco. Engraçado isso né? Focar no foco.  Preciso de foco. Com foco e direcionamento eu consigo ser mais consistente nos propósitos, ao mesmo tempo consigo extrair maior diversão dessa grande aventura que é viver e também sentir-me vivo e produtivo. No esporte, como você deve estar percebendo, o foco está nas corridas em montanha para 2020. E como sempre vai ser mais sobre montanhas que sobre corridas, não se trata de competir em provas de corrida em montanha (apesar de já estar inscrito em uma e ter ideias de correr mais duas outras apenas). É mais sobre estar nas montanhas, correndo. Sozinho, com amigos, não importa. Estar nas montanhas é a ideia. Assim sendo, decidi desfazer-me da minha bike esportiva, aquela que me acompanhou por praticamente dois anos de muito prazer nos pedais e na sua customização. Hora dos caminhos se separarem e direcionar minha veia esportiva àq

Nova Bike Kode Straat - Uma boa opção para montar uma Gravel Bike

Senhoras e senhores, tudo bem com vocês? Poxa, que bike da hora! Recebemos aqui na Jamur Bikes e já fiquei de olho grande. E adianto, já garanti a minha! Sim, a Kode Riff 70 vai retornar à proposta para a qual foi concebida (MTB 27.5 polegadas) no futuro (poca plata por ora) e vou apenas colocar o guidão drop e trocadores STI na nova Kode Straat. Vejam a imagem abaixo, retirada do site do fabricante, bem como sua geometria: Não parece ser muito apropriada para montar uma Gravel que é quase Gravel? Um top tube mais parecido com as speeds do que com as MTBs, um clearance menor na passagem das rodas, passagem dos cabos interna e outras características me levam a crer que esta bike pode andar muito confortavelmente entre estradões de cascalho (gravel roads) e asfalto, ou mesmo trilhas leves. Bora fazer essa alteração. Abaixo um vídeo mostrando a bike como ela vem de fábrica, original. E aqui a ficha técnica: - Quadro em alumínio 6061. - Garfo: Alumínio.