Pular para o conteúdo principal

Sobrevivendo nestes dias incertos

Buenas!

Acho que é nada mais que isso. Uma questão de sobrevivência.

Em tempos de pandemia, a tal Covid-19, o modo sobrevivência foi ativado. É impossível que a gente saia dessa, se é que sairemos, com a mesma cabeça que antes, fazendo as mesmas coisas que antes.

Observo que uma parcela, infelizmente pequena, da população está disposta a deixar hábitos anteriores e seguir em frente com suas vidas de forma diferente. O que o medo da morte, seja a própria ou de pessoas queridas, não faz com a gente, não? 

No ambiente que estou inserido, trabalhando com bicicletas, observo uma maior procura por pessoas que antes não consideravam a bike como uma opção de lazer, manutenção de saúde ou meio de transporte. Fico contente demais com isso, afinal é de conhecimento geral os benefícios que o uso da bicicleta proporciona.

Vivemos tempos onde o transporte público, por exemplo, pode ser um dos ambientes mais insalubres, com superlotação e desconforto geral. Quem precisa se deslocar por distâncias menores certamente pode se aproveitar do vento na cara e da liberdade que uma bicicleta proporciona. Como forma de melhores a própria saúde, a bike como ferramenta de prática de exercícios também é excelente, pois permite excelente treinamento cardiorrespiratório e é zero impacto em articulações - a menos que você caia dela. Como temos academias e parques fechados; e pedalar pelas ciclovias ainda é permitido na data de publicação deste post, 09 de maio de 2020; trata-se de uma das melhores opções para cuidar da saúde física e mental. É preciso liberdade!

De minha parte, tenho mantido treinos principalmente de corrida, nem tanto sobre a bike. Acho importante ter bom senso, evitar se expor desnecessariamente e fazer a minha parte enquanto cidadão. Não, não estou trancado em casa e nem acho que essa seja a melhor solução, que seja a melhor coisa que você pode fazer. Tenho meu trabalho, tenho meu lazer e preciso cuidar da sanidade mental. Trancafiar-me em casa não faz sentido algum. Por mais paradoxal que possa parecer, é preciso estar exposto e se for o caso, contaminar-se com o vírus, pois só assim conseguiremos chegar nos sonhados 60 ou 70% da população já imunizada e podermos pensar em voltar à vida social como antes. Apesar que tenho minhas dúvidas se isso acontecerá. Sou uma pessoa introvertida, que não gosta de aglomerações, logo não tem sido muito difícil para mim.

Houve uma fase entre o começo do ano e o início disso tudo que eu estava bastante envolvido em atividades de montanha, nos treinos coletivos junto à Equipiazza. Que fase boa! Fiz muitos amigos, colecionei histórias e ótimos momentos. Quando o distanciamento social começou, por volta de 15 de março deste ano, junto a uma nova torção do joelho direito já bichado, a reflexão proporcionada pelos treinos suspensos e contato humano restrito às redes sociais me provocaram uma grande reflexão sobre os rumos da minha vida como um todo. Uma espécie de conflitos adolescentes rebuscados do tipo: "quem somos, de onde viemos e para onde vamos?".

E eu acho isso super importante. Parar e refletir. Não levar no automático. Um processo longo, confesso e somente quase dois meses depois desse recolhimento as coisas começam a ficar um pouco mais claras sobre o que quero do que me resta de vida.

E sobre isso, pretendo compartilhar com mais frequência com vocês, deixando meu canal no YouTube para compartilhar imagens que sejam verdadeiramente relevantes e não mais postar por postar. Assim também com Instagram e Facebook, no momento desativados buscando um pouco mais de concentração no que realmente interessa: trabalhar sério na Jamur Bikes e viver experiências interessantes sem a necessidade de exibi-las em uma ferramenta que sempre acreditei não ser a ideal para isso, principalmente o Instagram.

Recomeçar!

E você? O que tem feito nestes dias incertos?

Um forte abraço!

Oggi Velloce Disc fora do asfalto. Sim, é possível.

Comentários

  1. Betway Casino CT | Online Gaming and Promotions | DRMCD
    Betway Casino CT, is 세종특별자치 출장안마 your ideal CT online gaming and promos site. 여수 출장샵 With your 과천 출장안마 huge deposit and 충청북도 출장샵 withdrawal 이천 출장안마 limit, you can enjoy a lot of gaming

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Specialized Hardrock Sport Anos 90

Oi! Com esta bike consegui, de certa forma, realizar um sonho de adolescência: pedalar uma mountain bike com quadro de cromo-molibdênio e geometria clássica dos anos 90. A bem da verdade, lá por 1996 eu pedalei por alguns meses com uma Scott Yecora e mais recentemente, em 2014 uma Trek Antelope 800. Mas ambas tinham apenas os três tubos principais em cromoly. Esta Specialized Hardrock Sport eu consegui na Jamur Bikes, sendo trazida recentemente dos Estados Unidos pelo próprio Paulo Jamur (proprietário da loja e meu boss), que se encantou pela bike e seu estado de conservação. Quando ele colocou a bike à venda na loja, não me fiz de rogado. Era a chance de ter uma bike em cromoly e praticamente original dos anos 90. Na verdade comprei esta bike como alternativa para transporte urbano, uma vez que a Format 5222 (da qual pretendo fazer uma apresentação em post futuro) que "gravelizei" eu pretendia deixar somente para atividades esportivas. Mas gostei

Uma das mudanças em curso para 2020

Oi! Acho que um dos maiores aprendizados e uma das maiores decisões para 2020 foi focar no foco. Engraçado isso né? Focar no foco.  Preciso de foco. Com foco e direcionamento eu consigo ser mais consistente nos propósitos, ao mesmo tempo consigo extrair maior diversão dessa grande aventura que é viver e também sentir-me vivo e produtivo. No esporte, como você deve estar percebendo, o foco está nas corridas em montanha para 2020. E como sempre vai ser mais sobre montanhas que sobre corridas, não se trata de competir em provas de corrida em montanha (apesar de já estar inscrito em uma e ter ideias de correr mais duas outras apenas). É mais sobre estar nas montanhas, correndo. Sozinho, com amigos, não importa. Estar nas montanhas é a ideia. Assim sendo, decidi desfazer-me da minha bike esportiva, aquela que me acompanhou por praticamente dois anos de muito prazer nos pedais e na sua customização. Hora dos caminhos se separarem e direcionar minha veia esportiva àq

Nova Bike Kode Straat - Uma boa opção para montar uma Gravel Bike

Senhoras e senhores, tudo bem com vocês? Poxa, que bike da hora! Recebemos aqui na Jamur Bikes e já fiquei de olho grande. E adianto, já garanti a minha! Sim, a Kode Riff 70 vai retornar à proposta para a qual foi concebida (MTB 27.5 polegadas) no futuro (poca plata por ora) e vou apenas colocar o guidão drop e trocadores STI na nova Kode Straat. Vejam a imagem abaixo, retirada do site do fabricante, bem como sua geometria: Não parece ser muito apropriada para montar uma Gravel que é quase Gravel? Um top tube mais parecido com as speeds do que com as MTBs, um clearance menor na passagem das rodas, passagem dos cabos interna e outras características me levam a crer que esta bike pode andar muito confortavelmente entre estradões de cascalho (gravel roads) e asfalto, ou mesmo trilhas leves. Bora fazer essa alteração. Abaixo um vídeo mostrando a bike como ela vem de fábrica, original. E aqui a ficha técnica: - Quadro em alumínio 6061. - Garfo: Alumínio.